Rio comemora Dia Internacional em Memória das Vítimas da Escravidão

Mestre Paulão Kikongo
De Mestre Paulão Kikongo março 21, 2009 22:37

Rio comemora Dia Internacional em Memória das Vítimas da Escravidão

O Dia Internacional em Memória das Vítimas da Escravidão e do Tráfico Transatlântico de Escravos será comemorado através de uma série de eventos em diversos lugares do mundo. No Brasil, a data será celebrada no Rio de Janeiro, no Salão Pedro Calmon, no Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ, na terça-feira, dia 24 de março, às 11h00.

A comemoração contará com uma palestra de Alcione Meira Amos, curadora visitante da Smithsonian Institution de Washington, DC (EUA) e autora do livro “Os que voltaram: a história dos retornados afro-brasileiros na África Ocidental do século XIX”.O evento é uma promoção da SEPPIR (Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República) e do Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio) em parceria com a UFRJ. A palestra será aberta pelo Reitor da UFRJ, Professor Aloísio Teixeira, contará com a participação do Ministro de Estado da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Edson Santos, e com a presença do Diretor do Centro de Informação das Nações Unidas no Brasil, Giancarlo Summa.

Durante o evento será distribuída uma mensagem do Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, em ocasião da data, instituída para homenagear os milhões de africanos que foram vítimas do tráfico de escravos. O Brasil foi, junto com os Estados Unidos, o país das Américas que mais recebeu escravos, até a proibição do tráfico em meados do século 18.

Serviço:

Dia Internacional em Memória das Vítimas da Escravidão
Terça-Feira, 24 de março – 11 horas
Fórum de Ciência e Cultura da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Campus da Praia Vermelha
Avenida Pasteur 250, Urca – Rio de Janeiro

Outras informações:

Valéria Schilling
Assessora de Comunicação
Centro de Informação da ONU
21-2253-2211
valeria.schilling@unic.org

Este endereço de e-mail está sendo protegido de spam, você precisa de Javascript habilitado para vê-lo
http://rio.unic.org/

Fonte: ONU Brasil


Este artigo pertence ao Portal Capoeira do Rio.
Todos os direitos reservados.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.
Mestre Paulão Kikongo
De Mestre Paulão Kikongo março 21, 2009 22:37
Escreva um comentário

Sem comentários

Ainda sem comentários!

Deixe-me contar uma história triste! Ainda não há comentários, mas você pode ser o primeiro a comentar este artigo.

Escreva um comentário
Ver comentários

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*